Compra de voto, ameaça a eleitores e boca de urna: dez são detidos por crimes eleitorais no RS – Eleições 2020





BM faz policiamento de seções no RS

Foto: Sd Ziebell/BM


Ao menos dez pessoas foram detidas por crimes eleitorais na manhã deste domingo (15) no RS. Dois foram flagrados pela Polícia Federal (PF) fazendo boca de urna em Bagé e Porto Alegre. Dois foram detidos pela Brigada Militar (BM) em Senador Salgado Filho e Ernestina por porte ilegal de arma de fogo e ameaça a eleitores. Já em São Leopoldo, um candidato a vereador foi detido por espalhar santinhos. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), houve ainda cinco detenções por compra de voto nas cidades de Fazenda Vila Nova, Capela de Santana, Pantano Grande, Redentora e Mussum.

As prisões em flagrante da BM foram de um homem, de 38 anos, em Senador Salgado Filho, e de outro homem, de 33 anos, em Ernestina, ambos por porte ilegal de arma e ameaça a eleitores.

Já a PF deteve um homem, de 53 anos, em Bagé, e outro, sem a idade divulgada, em Porto Alegre. O primeiro foi flagrado na Avenida Sete de Setembro realizando a divulgação de propaganda de partido político e candidato. Foi formalizado termo circunstanciado. Ele foi conduzido até a delegacia em razão do crime previsto no artigo 39, §5º, III da Lei 9.504/1997 (divulgação de propaganda eleitoral). Com ele foi apreendida uma mochila com santinhos e bandeiras.

Na capital, a equipe que está operando um drone flagrou um homem na região da Escola Municipal Rafael Pinto Bandeira, distribuindo propaganda eleitoral. Ele foi encaminhado diretamente ao plantão judiciário eleitoral para lavratura de Termo Circunstanciado.

Parcial da BM

Até o momento, a BM atendeu 116 ocorrências, 977 pessoas foram abordadas, 433 veículos foram fiscalizados em todo RS.

A Brigada Militar conta com reforço de mais de 6 mil PMs e 2 mil viaturas exclusivamente para as eleições.

Drones

Policiais federais de todas as unidades do Estado atuam em ação para reprimir crimes eleitorais. A partir do Centro de Comando Eleitoral instalado na Superintendência da Polícia Federal, em Porto Alegre, e com a utilização de tecnologias e ferramentas de investigação, como a utilização de 16 drones, a PF faz o monitoramento.

Gostou desta matéria? Compartilhe!








Seja um atirador esportivo!

O Tiro Esportivo é um esporte fascinante. Com o Guia do Atirador, você terá um passo a passo para solicitar seu CR junto ao Exército Brasileiro sem necessidade de contratar despachantes caros.

Compre agora sua arma, sem precisar de despachante!

-


Source link