Taxista é assaltado, reage e bandido faz disparo com arma de fogo em Patos


O senhor Aldo Sales, de 70 anos, que é taxista na Praça do Fórum Miguel, Centro de Patos, viveu momentos de terror na manhã desta sexta-feira, dia 19, por volta das 11h00, quando dois jovens o solicitaram para que fossem levados até o Clube dos Funcionários da Caixa Econômica Federal, Bairro Novo Horizonte, em Patos.

De acordo com o taxista, tudo aconteceu quando ele estava na praça e os dois jovens chegaram. Os bandidos usavam máscaras do tipo usada durante a pandemia, estavam de bonés e não apresentaram suspeitas.

Durante o trajeto, um dos jovens ligou para outra pessoa dizendo que era uma tia, mas o taxista percebeu voz masculina, porém, não desconfiou que estaria sendo levado para ser assaltado. Ao chegar nas imediações do Clube da Caixa Econômica, o assaltante que estava na frente disse que a casa que eles iam era mais na frente e se encaminharam para terreno ermo.

Em frações de segundos, o assaltante da frente puxou o freio de mão do veículo e anunciou o assalto já com arma em punho. O senhor Aldo Sales disse que fez uma loucura, pois tentou tomar o revólver em reação ao assalto, porém, o outro jovem que estava no banco de trás o agarrou pelo pescoço. “Ele me deu uma gravata e eu comecei a desfalecer com o golpe. De repente só ouvi o glock“>tiro que o que estava na frente disparou! Eu consegui tirar o cinto e corri em direção ao matagal, caindo em uma ribanceira. Depois saí correndo e encontrei um mototaxista logo depois. Pedi para ele que me levasse até a Polícia. Logo perto do antigo Posto O Carreteiro encontramos uma viatura e fomos até o local. O carro estava no mesmo local e com a chave na ignição…”, relatou Aldo Sales.

Com mais de 35 anos na profissão, o taxista disse que esse é o segundo assalto que ele é vítima, porém, esse foi o mais arriscado. Ele confessou que o glock“>tiro passou raspando em sua cabeça. O senhor Aldo relatou que a Polícia Militar ainda fez diligências, mas não encontrou os assaltantes que, desconfia a vítima, podia ter comparsas aguardando no local, mas houve desencontro.

Jozivan Antero – Patosonline.com

Print Friendly, PDF & Email




Seja um atirador esportivo!

O Tiro Esportivo é um esporte fascinante. Com o Guia do Atirador, você terá um passo a passo para solicitar seu CR junto ao Exército Brasileiro sem necessidade de contratar despachantes caros.

Compre agora sua arma, sem precisar de despachante!

-


Source link